Postagem em destaque

Hippie foge com garota de 12 anos de Martinho Campos é encontrado e apanha em Pompéu.

Menina de 12 anos foge com vendedor de bijuterias por pablo-nascimento Ao encontrar filha tentando embarcar para o Rio Grande do Sul, ...

sábado, 25 de março de 2017

Hippie foge com garota de 12 anos de Martinho Campos é encontrado e apanha em Pompéu.


Menina de 12 anos foge com vendedor de bijuterias por pablo-nascimento


Ao encontrar filha tentando embarcar para o Rio Grande do Sul, mãe surta, veja vídeo
Do R7 com RecordTV Minas

Mãe ficou indignada com a atitude da filhaRecordTV Minas
Uma adolescente, de 12 anos, de Martinho Campos, na região central de Minas Gerais deu um susto na família. A jovem fugiu de casa, com um vendedor de bijuterias, de mais de 50 anos, e deixou uma carta dizendo que iria tirar própria vida. A mãe da jovem conseguiu encontrá-la com o homem em uma cidade vizinha, quando eles tentavam embarcar para o Rio Grande do Sul.
Ao procurar pela filha em casa e encontrar a carta, a mulher, identificada como Adriana, começou a fazer buscas pela cidade. Depois de ir em diversos locais onde a adolescente poderia estar, a mãe foi perguntar motoristas que estavam em um posto de gasolina se tinham visto a menor.
Um taxista contou a ela que viu uma garota muito parecida com ela, na rodoviária de Pompéu, a 30 quilômetros de Maritinho Campos. Adriana foi até o terminal rodoviário da cidade vizinha e, ao chegar no local, encontrou a menina acompanhada pelo homem. Eles estavam tentando embarcar para o Rio Grande do Sul. A menor estava sem documentos, mas alegou que o acompanhante seria pai dela
Pessoas que estavam na rodoviária gravaram o momento em que mãe achou a adolescente. Embora estivesse aliviada, ele se desesperou pelo que poderia ter acontecido e deu uma bronca na filha. Nas imagens é possível ver Adriana gritando muito. Ela xinga a menina e arranca as bijuterias que estavam no corpo dela. Desesperada, a mãe alerta para os perigos que ela corria:
— Sabe o que essa porcaria ia fazer com você? Te estuprar!
Durante a discussão entre as duas, é possível ver o homem rindo e a mulher o acusa de pedófilo. O artesão foi autuado por persuadir menor de 18 anos a fugir. No entanto, ele foi liberado pouco depois por se tratar de um crime de menor potencial ofensivo. Além disso, não houve denúncia de abuso sexual.
Veja o vídeo:

Papagaios e Maravilhas pedem socorro ao Tribunal de Justiça de Minas

Institucional | 23.03.2017
Delegação apresentou reivindicações quanto ao Judiciário em Campos Gerais, Maravilhas e Papagaios

Renata Caldeirareunião papagaiosPresidente Herbert Carneiro recebeu representantes de cidades mineiras
Na manhã desta quinta-feira, 23 de março, o presidente do TJMG (Tribunal de Justiça de Minas Gerais), desembargador Herbert Carneiro, recebeu visitantes das regiões Central e Sul de Minas para ouvir suas solicitações em relação aos serviços judiciais nos respectivos municípios. O juiz auxiliar da Presidência, Thiago Colnago Cabral, acompanhou o encontro. 

Os representantes dos município pedem a instalação da Comarca de Papagaios que já foi criada a mais de 5 anos mas ainda não foi instalada. Segundo o Prefeito Mario Reis é de suma importância a instalação da Comarca para o combate  violência que assola a região "o argumento da Policia Civil de não designar um delegado para Papagaios é de que ainda não somos Comarca" afirmou o Prefeito que está juntamente com o Presidente da Câmara e um grupo de empresários da região empenhado em levar uma Autoridade Policial para o município que se encontra imerso em uma rotina de violência sem precedentes.


Estiveram presentes à reunião o juiz da Comarca de Campos Gerais, Ademir Bernardes de Araújo Filho; o coronel da PMMG (Polícia Militar de Minas Gerais), James Ferreira Santos, que também é juiz do Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais; os prefeitos de Maravilhas, Papagaios e Campos Gerais, Diovane Policarpo de Castro, Mário Reis Filgueiras e José Eugênio da Silva; Ricardo Faria, secretário de Estado de Turismo de Minas Gerais; os vereadores Eduardo Luiz Pereira, de Campos Gerais, e Umberto Valadares, presidente da Câmara Municipal de Papagaios; o procurador municipal de Campos Gerais, Ewerton Allan Pichara, entre outras autoridades.

Fonte Imprensa do TJMG e Assessoria da Prefeitura de Papagaios.

Recorde macabro: com dois homens executados Pompéu se torna recordista em homicidios no Centro Oeste

Imersa em uma violência sem fim execuções a luz do dia choca a comunidade pompeana.
Desta vez três homens foram alvejados a tiros na porta da casa de um deles no Bairro Aritana em Pompéu na tarde desta sexta (24) .

Com esses homicidios Pompéu passa a ser a cidade com maior indice deste tipo de crime per capita segundo informaaçoes não oficiais da Polica.

No caso desta sexta, segundo informações da Polícia Militar (PM), três homens já conhecidos no meio policial por tráfico de drogas estavam na porta de uma casa no Bairro Aritana, quando o motorista de um carro tomado de assalto em Curvelo se aproximou e atirou contra o trio.
Um jovem de 19 e outro de 28 morreram no local. O outro atingido é menor, mas a idade não foi informada. Ele foi atendido pronto-atendimento da cidade, em seguida foi transferido em estado grave para o Hospital Municipal de Sete Lagoas. A suspeita é de que o crime tenha sido um acerto de contas entre traficantes.

A pericia de Bom Despacho esteve no local e constatou que as vítimas foram atigidas por chumbos com armas do tipo espingarda cartucheira, vários cartuchos foram visualizados no local o o portão da casa foi perfurado pelos tiros.

Veja o vídeo do local do homicídio:



sexta-feira, 24 de março de 2017

Governo de Minas diz que Polícia Civil ficará fora da Reforma da Previdência no Estado

Da Redação*

portal@hojeemdia.com.br

23/03/2017 - 16h10 - Atualizado 17h53

Agência Brasil/Reprodução /


Governador de Minas, Fernando Pimentel (PT)

Após decisão do Governo Federal de deixar a cargo dos Estados a decisão sobre a Reforma da Previdência para servidores, o Governo Minas Gerais publicou nesta quinta-feira (23) uma nota informando que não irá realizar mudanças a curto prazo. 


"Em 2015 foi regulamentada a previdência complementar pública para servidores civis dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Defensoria Pública admitidos a partir de outubro daquele ano. Desta forma, foi instituído o teto máximo de benefícios equivalente ao teto do INSS, o que possibilitará ao Executivo Estadual reduzir, no longo prazo, a participação das despesas com previdência", informou em nota

Ainda em nota, o Governo informou que pretende fazer debate democrático e transparente sobre o tema e garante que não pretende lançar nenhum pacote previdenciário sem diálogo com os servidores. “Qualquer medida a ser proposta será previamente discutida de forma ampla com todos os servidores”.


Leia a nota:

“Com relação à pretensa modificação na previdência, o Governo de Minas Gerais tem acompanhado as discussões em âmbito nacional. Tais medidas necessitam ser debatidas no parlamento de forma democrática e transparente. A visão do Governo de Minas Gerais é que os servidores públicos não são a causa de problemas estruturais das finanças públicas, mas parceiros na busca contínua de melhoria da qualidade dos serviços prestados à população.

 O Governo de Minas Gerais não vislumbra reforma previdenciária a curto prazo. Em 2015 foi regulamentada a previdência complementar pública para servidores civis dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, Ministério Público e Defensoria Pública admitidos a partir de outubro daquele ano. Desta forma, foi instituído o teto máximo de benefícios equivalente ao teto do INSS, o que possibilitará ao Executivo Estadual reduzir, no longo prazo, a participação das despesas com previdência. Qualquer medida a ser proposta será previamente discutida de forma ampla com todos os servidores.”

Fonte: Seplag

Leia mais:

quinta-feira, 23 de março de 2017

Enfim uma boa noticia: Beatificação de Pe. Libério: documentação já está no Vaticano


Padre Libério faleceu em dezembro de 1980 - RV
23/03/2017 09:00



Cidade do Vaticano (RV) - Quarta-feira, (22/03) 
foram entregues à Congregação das Causas dos Santos,
no Vaticano, os atos da pesquisa diocesana relativos
 à causa para a beatificação do padre mineiro Libério
Rodrigues Moreira. Este ato jurídico constituiu o primeiro
 passo na etapa do reconhecimento da heroicidade das
virtudes do servo de Deus.
A partir de agora, teólogos devem verificar as
evidências a favor da beatificação de Libério.
A terceira fase será o reconhecimento de algum
possível milagre. Por fim, o planejamento da beatificação
e o procedimento em si. “Não é possível estimar
quando o processo terminará, pois a duração varia
de acordo com cada caso", revela o Postulador da
causa, Pe. Adelmo Gomes, em entrevista ao G1. 
Exumação
Em março de 2016, uma comitiva do Vaticano
 esteve no Centro-Oeste de Minas para presenciar
a  exumação do corpo do padre, em Leandro
 Ferreira. Também foram apuradas várias informações
 na cidade. No dia 12 do mesmo mês, diante de
mais de 6 mil pessoas, segundo estimativa da
Polícia Militar, o Bispo de Divinópolis, Dom José Carlos
 presidiu a cerimônia de transladação dos restos
mortais de Padre Libério para a Igreja de São Sebastião,
 em Leandro Ferreira Em 13 de novembro,
foi encerrado o processo em nível diocesano. 
Quem foi
Segundo relatos divulgados pela Diocese, desde
criança Libério ajudava o pai guiando bois. Em 1902,
a família mudou-se para Mateus Leme, onde ele
 trabalhou como servente de pedreiro. Com 22 anos,
ingressou em um seminário em Mariana, onde foi
ordenado em 20 de março de 1916.
O padre faleceu em Divinópolis no dia 21 de dezembro
1980, aos 86 anos. Foi velado em Pará de Minas
e sepultado em Leandro Ferreira no dia seguinte.
Nesta cidade foi instalado um pequeno museu que
 conta parte de sua história. Por sua vida piedosa
 e por alguns milagres que lhe são atribuídos, é
considerado popularmente como santo na região
Centro-Oeste de Minas Gerais. Sua sepultura
é local de romaria e peregrinações. 

A data de nascimento do religioso, 30 de junho, é
recordada anualmente com um feriado municipal e
com diversas atividades.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Foras da lei invadem o Centro Oeste: bandidos roubam dois carros e abrem fogo em Papagaios.

Roubo a bancos as duas horas da tarde em Pompéu, tiroteio no centro de Papagaios as 16 horas e os bandidos tomando veículos de trabalhadores em plena luz dos dia. Esta se tornou a rotina dos moradores do Centro -oeste de Minas.

Mais um episodio deste faroeste de terror aconteceu na tarde desta quarta-feira(22). Depois de roubar um carro em Pitangui, que segundo informações ainda não apuradas pertencia a filha do Prefeito da cidade, os ladrões se dirigiam para Pompéu quando acabaram capotando o veiculo em uma curva da estrada, por azar vários trabalhadores plantavam eucalipto nas mediações e quando foram prestar socorro as vítimas do acidente acabaram rendidos sob a mira de revolveres e tiveram uma camionete Strada que usavam no serviço, roubada pelos bandidos que resolveram voltar para a cidade de Papagaios.

Tiroteio.

No centro da cidade de Papagaios passaram no veiculo roubado
efetuando disparos de armas de fogo, uma cena comum nos filmes de Faroeste mas que tem se tornado rotina nas pequenas cidades do centro oeste de Minas. A poucos dias a Agencia do Credesp em Pompéu foi assaltada em plena luz do dia.

Impunidade.

A policia assiste a tudo de mãos atadas, "se for menor de idade não fica nem uma semana preso e se for maior fica um ano" desabafou um policial que prendeu um menor por 19 vezes e que pediu para não ser identificado. Muitos policiais respondem na justiça por terem sido acusados de tratar mau o meliante e há vários que estão pagando do bolso despesas do conserto de viaturas que foram danificadas em perseguições a bandidos, isso acaba provocando um desestimulo para quem tem o dever de levar a segurança para a população mas que acaba não tendo condições de prestar um trabalho adequado.

Com o caos instalado espera-se que os legisladores tenham a sensibilidade de mudar uma lei que cria uma impunidade que a cada dia destrói vidas, familias e especialmente a motivação daquele que é a ultima barreira entre as pessoas de bem e o mau.

Peritos criticam a atuaçao da Polícia Federal na Operação Carne Fraca

Sobre os últimos acontecimentos, relacionados à “Operação Carne Fraca” e seus desdobramentos, a Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF) esclarece que:

1. Reconhece o valor da “Operação Carne Fraca” como mais uma das inúmeras ações de combate à corrupção por parte da Polícia Federal, mas lamenta profundamente que a participação dos especialistas da corporação em análise de fraudes alimentares não tenha sido devidamente empregada durante a condução das investigações. A abordagem quase exclusiva de provas contingenciais deu aos responsáveis pelo comando da operação a equivocada impressão de que tudo poderia ser concluído de imediato e sem qualquer dúvida, apenas com aquilo que se chama circunstancial. Contudo, por sua repercussão e polêmica, a “operação Carne Fraca” tornou-se uma clara demonstração de como o conhecimento técnico e o saber científico, em todas as etapas da investigação, não podem ser deixados de lado em favorecimento dos aspectos subjetivos da investigação criminal. A atuação adequada dos Peritos Criminais Federais nas demais etapas do procedimento investigatório, e não apenas no seu início e na sua deflagração, teria propiciado a correta interpretação dos dados técnicos em apuração, assim como a definição dos procedimentos técnico-científicos necessários para a materialização de crimes de fraude alimentar eventualmente cometidos pelas indústrias sob suspeição. Além disso, sem sombra de dúvida, teria poupado o país de tão graves prejuízos comerciais e econômicos.

2. Importa destacar, ademais, que a Polícia Federal conta atualmente com 27 Peritos Criminais Federais com formação em Medicina Veterinária, muitos dos quais com vasta experiência profissional na área de fiscalização e de análise sanitária; além de dezenas de outros especialistas nas áreas de Química, Farmácia/Bioquímica, Medicina, Agronomia e Biologia; todos aptos a compor equipes multidisciplinares de investigação técnico-científica de fraudes alimentares em investigações policiais e processos criminais na esfera federal, a exemplo do que já ocorreu com as operações “Ouro Branco” (sobre fraude em leite, deflagrada em 2007) e “Vaca Atolada” (sobre fraude em carnes, desencadeada em 2012), e assim como ocorre na própria “Operação Lava Jato”, sustentada por mais de 1.000 Laudos Periciais em diversas áreas do conhecimento, como engenharia, informática e contabilidade. Em todos os casos descritos, esses inúmeros Laudos Periciais Oficiais embasaram solidamente decisões e mandados judiciais, denúncias no Ministério Público Federal e outras medidas jurídico-penais.

3. Diante do exposto, a APCF tem o dever de esclarecer publicamente que as afirmações relativas ao dano agudo à saúde pública, divulgadas por ocasião da deflagração da “Operação Carne Fraca”, não se encontram lastreadas pelo trabalho científico dos Peritos Criminais da Polícia Federal, sendo que apenas um Laudo Pericial da Corporação, hábil a avaliar tal risco, foi demandado durante os trabalhos de investigação, sem que se chegasse, no entanto, a essa conclusão.

4. Por fim, vale ressaltar que à atuação da Perícia Criminal Federal deve ser garantida a devida autonomia técnica, científica e funcional, assegurada pelo ordenamento jurídico brasileiro. Trata-se de uma importante conquista democrática de nosso país. Assim sendo, a Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais garante à sociedade brasileira que os Peritos Criminais Federais permanecem de prontidão para atuar de maneira isenta, técnica e desvencilhada de eventuais excessos acusatórios, utilizando o conhecimento científico, de forma imparcial, para a promoção da Justiça e tendo a certeza de que a maior valorização do método científico será o correto caminho para o combate às diversas formas de crimes e suas decorrências.

Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais – APCF

segunda-feira, 20 de março de 2017

"Quebra-molas se tornam armas usadas por assaltantes em Minas.

Se existe uma coisa que o Brasil pode ser considerado imbatível é no quesito criatividade.


Incapaz de fiscalizar os motoristas e fazer com que eles simplesmente obedeçam o Código de Trânsito algumas Autoridades locais resolveram criar lombadas transversais nas rodovias os popularmente denominados quebra-molas. 

Apesar de não encontrarem amparo legal e nem serem contempladas no Código de Trânsito Brasileiro os quebra-molas passaram a ser comuns nas vias de circulação de veículos em todas as partes do pais.

 O que começou como  uma obra indicada por Vereador de cidadezinha do interior passou a fazer parte da rodovias e mesmo sendo ilegal foi incorporado a cultura tupiniquim chegando ao ponto de serem usadas como redutor de velocidade nos postos de fiscalização e, pasmem, nas proximidades dos postos de Polícia Rodoviária.

Como a criminalidade tomou de assalto o país,  não deu outra, o famigerados quebra molas passaram a ser aliados dos bandidos na abordagem dos veículos que tem de diminuir a velocidade para passar sobre o maldito.

Na rodovia MG 420 existe um ponto onde há um posto de fiscalização que pode ser, digamos,  um dos preferidos dos bandidos. Esse ponto tem preocupado a Polícia Militar.

Nesta última sexta feira  o Tenente Helder Pereira da Silva esteve juntamente com um grupo de empresários de Pompéu e \papagaios em uma reunião com a Dra. Angela, Engenheira Chefe do DER/ ABAETÉ onde foi discutido a situação de insagurança do local.

Ficou acertado que os quebra-molas serão retirados daquele local.


Resta agora saber se os bandidos vão parar de assaltar ou simplesmente mudar de quebra-molas.

O blogue parabeniza aos envolvidos na operação "arranca quebra-mola" em especial ao Ten Helder e sabe que a Policia tem feito a parte dela.

sábado, 18 de março de 2017

Vítima de furto em Pompeu, Mirlei elogia atuação da Polícia

Seria como eu colocar 4 pessoas pra atender a 500 convidados em um evento,  disse ela sobre o número de policiais em Pompeu

Quero iniciar este post hoje, falando sobre o ocorrido comigo na noite da quinta passada: Em primeiro lugar preciso deixar bem claro que faltam ainda algumas coisas a serem encontradas: Como por exemplo 30 caixas de cerveja Original, 39 Salton Conde de foucauld, em média 160 refrigerantes de 2L, energético etc.                        Mas o que me fez vir aqui hoje foi pra  destacar com grande respeito a equipe de Divinópolis da 7ª CIA IND. PE, sobre o Comando do Tenente Celso, Cabo Vinícius, e também a Equipe GER e Equipe ROCCA (não me lembro o nome de todos) que recuperaram grande parte das coisas que foram roubadas. Essas equipes tiveram uma dedicação, um respeito e uma atenção que eu nunca havia visto antes. Esta equipe merece uma grande homenagem, pois mesmo passado várias horas do término de seus horários de trabalho eles tiveram o maior empenho, e uma atenção à mim como vítima, sem importar quem eu era, do partido A ou B, da família A ou Z, fui ali tratada como toda vitima deveria ser tratada. Ao Comandante desta equipe, minha gratidão, ali neste momento pude perceber o quanto é importante amar a sua profissão!                                                                                    Quero também agradecer ao Tenente Márcio, Cabo Charles, Sargento Joel, Soldado Melgaço, Cabo Caetano, Sargento Olívio que tentaram fazer o que estava no alcance deles pra estar me ajudando naquele assalto.
Com tantos dias que passei envolvida neste caso vi o quanto a Polícia Militar de Pompéu está sem condições nenhuma pra atender uma população do tamanho de nossa cidade. Seria como eu realizar um evento pra 500 pessoas e colocar apenas quatro funcionários pra fazer com que tudo saia perfeito, não há possibilidade de dar certo. Algo precisa ser feito, não tem a mínima condição de continuar assim, todos nós precisamos correr atrás pra tentarmos ajudar no que estiver ao nosso alcance.
Se tivesse havido interesse de outro setor em ajudar talvez eu teria recuperado tudo, pois sabíamos de todos os envolvidos, sabíamos de quase tudo, mas o que fazer, quem eu sou?????? Filha de quem?????? Esposa de quem?????? Isso seria o que primeiro precisaria ser mudado. Todos nós somos iguais, ou deveríamos ser iguais...

sexta-feira, 17 de março de 2017

Homens armados assaltam Credesp de Pompéu.



Três homens assaltaram o Credesp de Pompéu na tarde destas sexta-feira. Eles estavam em um veiculo Ecosport prata que foi encontrado na Rodovia MG 420 MG a cinco quilômetros de Pompéu.

Segundo a Policia um dos indivíduos entrou na agencia se passando por cliente, enquanto isso os outros apontaram uma arma para o vigilante que temendo pela vida dos clientes teve de abrir a porta de segurança. Os caixas e o cofre foram roubados mas a gerencia não revelou o valor levado.

Os funcionários do banco passaram por momentos de terror com armas apontadas para suas cabeças.

A policia investiga o caso.

quinta-feira, 16 de março de 2017

Acidente entre carro e caminhão deixa quatro mortos em Luz, MG



Todas as vítimas fatais estavam em veículo de passeio na MG-176. Motorista perdeu o controle e invadiu contramão, segundo PM.


16/03/2017 09h38 - Atualizado em 16/03/2017 09h44


Por Anna Lúcia Silva


Do G1 Centro-Oeste de Minas

Quatro pessoas morreram em acidente na noite de terça-feira (15) (Foto: Luiz Antônio/Divulgação)


Quatro pessoas com idades entre 38 e 48 anos morreram em acidente na noite desta quarta-feira (15), na MG-176, próximo ao trevo de Luz, no Centro-Oeste.


De acordo com a Polícia Militar (PM), que apoiou a ocorrência, o veículo onde estavam as vítimas saía do distrito de Esteios e estava entrando na rodovia quando invadiu a contramão da pista e bateu de frente com um caminhão que seguia sentido oposto.

Com o impacto o carro foi arrastado para debaixo do caminhão e em seguida capotou e caiu em um barranco.

Ainda segundo a PM, o resgate foi acionado e constatou que os ocupantes morreram no local. O motorista do caminhão, de 48 anos, não se feriu.

A Perícia da Polícia Civil foi acionada para averiguar as causas do acidente. Os corpos foram liberados para uma funerária da cidade.

quarta-feira, 15 de março de 2017

Atenção Autoridades, Violência em Pompeu vai terminar em pizza?

Depoimento indignado das vítimas em Pompeu.

"Recebemos uma ligacao no Tele entrega pedindo uma pizza gigante e ate entao tudo normal. Chegando no local da entrega nosso entregador foi abordado por dois homens armados e covardemente bateram muito nele e seguida Roubaram seu cellular,  todo o dinheiro dele proprio e da entrega e roubaram nossa moto...... Placa OME 4093 saindo os dois montados. Muita revolta muita indignacao, como vamos fazer, estamos com medo de trabalhar de sair de casa pra trabalhar a noite e nao voltar vivos pra Nossa casa."

terça-feira, 14 de março de 2017

Entregador de Pizza é roubado e agredido em Pompeu.

Um entregador de Pizza foi vitima de assalto em Pompeu ele contou a polícia que trabalha como entregador no RESTAURANTE E PIZZARIA ACONCHEGO e que recebeu ligação para entregar uma pizza na Rua ABAETÉ, Bairro NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO, e ao chegar no referido endereço foi surpreendido por dois indivíduos que saíram do meio do mato, ambos
magros e de estatura mediana, sendo que um deles usava uma toca tipo ninja cobrindo o rosto, camisa azul, bermuda e sandálias, e o outro trajava calça do time ATLÉTICO MINEIRO e camisa verde, ambos portavam armas de fogo, um deles um revólver e o outro uma arma de cano longo, não sabendo a vítima informar os calibres. Segundo a vítima o mesmo foi retirado da motocicleta com violência, vindo a cair ao solo e ser agredido com diversos pontapés, sendo roubado seu aparelho de telefone celular marca MOTOROLA G4, cor branca e a quantia de R$ 632,00 (seiscentos e trinta e dois reais) em dinheiro. Segundo a vítima, o autor que estava de posse da arma de cano longo apontou-a para o
mesmo puxando o gatilho por duas vezes, tendo a munição picotado e a arma não disparado. Após o
roubo, os autores evadiram na motocicleta HONDA CG FAN KS, cor preta, placa OME-4093, utilizada para
entregas e de propriedade do restaurante. A vítima foi encaminhada ao Pronto Atendimento Médico. Segue rastreamento.

segunda-feira, 13 de março de 2017

Homens armados roubam malote do Supermercado Fidelis em Bom Despacho.

Quanto homens armados assaltaram nesta segunda-feira um homem que transportava o malote com dinheiro do Supermercado Fidelis em Bom Despacho. Eles ameaçaram a vítima e levaram todo o dinheiro.

Segundo a polícia os assaltantes estavam fortemente armados em dois veículos.

A polícia investiga o caso.

Ninguém se feriu.

Depois da paz do carnaval matança volta a Pompéu.

Um homem foi executado, segundo a polícia, com seis tiros na tarde deste sábado no bairro Vargem do Galinheiros Pompéu.

A vítima que tinha a alcunha de Curinga foi surpreendido pelos autores nas proximidades de sua casa e foi mais uma vítima da violência que assola a cidade de Pompéu.

A polícia investiga o caso é busca pelos autores.

domingo, 12 de março de 2017

Corpo é encontrado perto de horta comunitária em Lagoa da Prata


Polícia localizou cadáver no Bairro Maria Fernanda, após denúncia. Peritos confirmaram morte por facadas; identidade é desconhecida.

11/03/2017 12h30 - Atualizado em 11/03/2017 12h37

Do G1 Centro-Oeste de Minas

O corpo de um homem foi encontrado durante a manhã deste sábado (11) perto de uma horta comunitária no Bairro Maria Fernanda, em Lagoa da Prata. De acordo com a Polícia Militar (PM), uma denúncia informou sobre a localização.

Peritos técnicos da Polícia Civil foram ao local e constataram que a vítima foi morta com pelo menos oito facadas. Os ferimentos foram provocados na cabeça, no pescoço e no tórax. A identidade ainda não foi apurada. O corpo foi encaminhado a uma funerária. Ainda não há suspeitos do crime.

sábado, 11 de março de 2017

Policial reage a tentativa de assalto e mata dois bandidos

Crime aconteceu no Bairro Ribeiro de Abreu, Nordeste da capital mineira. Investigador da Polícia Civil informou que parou o carro para olhar o GPS quando foi abordado

 postado em 11/03/2017 12:03 / atualizado em 11/03/2017 14:07


 Guilherme Paranaiba

Dois bandidos morreram em uma tentativa de assalto na noite desta sexta-feira no Bairro Ribeiro de Abreu, na Região Nordeste de Belo Horizonte. Segundo a Polícia Civil, eles foram atingidos após tentarem assaltar um investigador da corporação, que reagiu à tentativa de roubo e baleou a dupla.

sexta-feira, 10 de março de 2017

Bandidos invadem o Pirata e roubam produtos de festa de casamento em Pompeu.

A casa de shows Pirata House em Pompéu, foi invadida por bandidos que levaram cerca de 20 mil reais em mercadorias que seriam usadas em um casamento, mercadorias que pertencem a promoter Mirley Campos.

Ela pede apoio para encontrar o produto do furto.

Segundo a polícia dois autores teriam sido identificados.

Qualquer informação ligue 190 oi 181. Não precisa se identificar.

🚨🚨

quarta-feira, 8 de março de 2017

Polícia Civil prende Vereador suspeito de estupro de menores.

A Polícia Civil de Minas Gerais, por intermédio da DPC de *Carmo do Cajuru* / DRPC de Divinópolis, nesta quarta-feira dia 08 de março de 2017 realizou operação que culminou com a prisão do *vereador Carlos Anderson da Silva* (45 anos), vulgo “Carlos Henrique da Rádio”, pela prática dos crimes de estupro de vulnerável consumado, com 05 vítimas distintas, estupro de vulnerável na modalidade tentada e satisfação de lascívia mediante a presença de criança.

As investigações iniciaram-se há aproximadamente um mês quando, da posse do Delegado, aportaram as primeiras informações de que o investigado teria abusado sexualmente de algumas crianças.

Materiais foram apreendidos com suspeito de estupro (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)
Destarte, foram verificados todas circunstancias e apurado que pelo menos seis crianças, com idades entre 07 e 11 anos, foram vitimadas, sendo que em uma delas chegou a ocorrer a prática de ato sexual, comprovado por auto de corpo de delito, e com as outras a prática de ato libidinoso.

Segundo o Delegado Dr. Weslley Amaral de Castro os fatos ocorrem há pelo menos dois anos e todas as crianças foram categóricas em relatar com riqueza de detalhes os abusos, de maneira coerente e uníssona. Além do mais, ficou comprovado que todas elas eram carentes e, para atraí-las, o investigado as chamava a sua residência/sítio com o subterfúgio de nadarem, cuidar de animais e assistir filmes, oportunidade em que praticava os abusos e ainda assistia filmes pornográficos defronte a elas, quando também se masturbava.

No decorrer do cumprimento do mandado de prisão preventiva e busca e apreensão foram apreendidos 06 HDS externos; 05 Pendrives; 06 celulares; 01 câmera digital; vários DvDs; 04 Fotos de vítimas, as quais se encontravam dentro do cofre da vítima, bem como duas mochilas infantis com cadernos e lápis (as quais eram novas e provavelmente seriam dadas de presente).

Ponderou ainda o Delegado que as investigações persistirão a fim de se verificar a existência de conteúdo pedófilo nas mídias apreendidas, bem como a existência de eventuais outras vítimas até o momento não identificados. 

O investigado, foi o vereador mais bem votado nas últimas eleições municipais e já qual ostenta passagens policiais por Calúnia, foi preso e levado ao Presídio Floramar de Divinópolis.

As investigações contaram com o investigador Alisson e o Escrivão Rodrigo, assim como apoio operacional do Delegado Dr. Diego Almeida Lopes Mendonça, e investigadores Marcus Vinícius Ferrari Pinto, Vanderlei, Yuri, Heberth, Esrom e Matheus.

Policiais civis e federais poderão ter compensação na reforma da Previdência



Lucio Bernardo Junior / Câmara dos Deputados

Comissão especial da Câmara dos Deputados está analisando a reforma da Previdência; o relator do colegiado se disse sensível à demanda de uma aposentadoria especial para a atividade policial

Embora o relator da reforma da Previdência, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), não tenha adiantado na audiência desta terça-feira (7) nenhum benefício específico para policiais, ele se disse sensível à demanda de uma aposentadoria especial para a atividade.

“Relator não pode ser o dono da verdade e não quero adiantar nenhuma conclusão; será um relatório coletivo de toda a comissão, mas tenho recebido muitas demandas sobre esse tema”, disse.

Como as Forças Armadas e os policiais militares ficaram de fora da reforma da Previdência, as outras categorias de policiais (rodoviários, federais e civis) também reivindicam manter o direito a uma aposentadoria especial.

Novo conceito de risco
Nesta terça-feira, a comissão especial que discute a reforma (PEC 287/16) trouxe especialistas e representantes dos policiais para debater a aposentadoria para categorias que são expostas a algum risco.

Atualmente, os policiais se encaixam na aposentadoria especial para quem exerce “atividades de risco”, mas a reforma proposta pelo governo redefine isso. O objetivo é deixar claro que apenas quem é exposto a materiais ou ambientes que prejudicam a saúde e diminuem a capacidade de trabalhar fazem jus a esse tipo de aposentadoria.

Segundo o assessor especial da Casa Civil, Felipe Memolo Portela, enviado pelo governo para explicar o ponto, a intenção foi dar clareza ao que seria uma atividade de risco, que não é a exposição ao perigo, em sua opinião. “O trabalho perigoso deve ser remunerado de forma diferente, mas não deve dar direito a outro tipo de aposentadoria”, opinou.

Ele explicou que, após os policiais reivindicarem uma aposentadoria diferente dos demais servidores, diversas categorias passaram a alegar que exerciam atividades de risco, como promotores, juízes e oficiais de Justiça. “Essas diferenciações não podem incidir exclusivamente na aposentadoria, e a proposta leva em conta que não se deve usar o regime previdenciário para fazer compensações”, disse.

Situação preocupante
Em resposta, o relator disse que já encomendou um estudo ao Ministério do Planejamento um estudo sobre o custo da aposentadoria dos policiais, tanto federais quanto dos estados, para debater em cima de números.

“Se for possível fazer uma aposentadoria especial o nome não importará. Essa situação dos policiais me preocupa, e talvez não use o termo risco, mas a atividade policial”, disse Arthur Oliveira Maia.

Mobilização
O deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) apoia o pleito dos policiais, mas disse que será preciso mobilização para convencer os deputados a mudar a proposta do governo. “Se essa reforma não consegue poupar o idoso vulnerável, nem o deficiente vulnerável, o que será de outros indivíduos?”

Outras propostas estão sendo estudadas, como um seguro específico para policiais, ou deixar a regulamentação dos policiais civis para os estados e, embora o governo não queira aprovar essas mudanças, a bancada de deputados ligados aos policiais disse que tem força para pressionar o Congresso.

O deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS) defendeu a proposta do Executivo, dizendo que é preciso estabelecer a idade mínima de aposentadoria e as exceções não devem ser muitas. “Ninguém vai fazer reforma da Previdência porque quer, mas porque precisamos adequar nosso sistema com o que é possível pagar”, disse.

Outro lado
Os representantes dos policiais presentes ao debate defenderam uma aposentadoria especial para a categoria por ter uma expectativa de vida inferior ao restante da população.

Segundo dados da União dos Policiais do Brasil (UPB), anualmente cerca de 500 policiais são mortos todos os anos no Brasil, o que abaixa para entre 56 e 59 anos a expectativa de vida da categoria. Um estudo está sendo feito pela Fundação Getúlio Vargas e será entregue aos deputados sobre esse ponto.

O presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Carlos Eduardo Miguel Sobral, frisou que a carreira gera uma pior qualidade de vida, pela exposição à violência e doenças relacionadas ao estresse, o que também justifica a aposentadoria precoce. “Sem isso, você afasta o jovem que quer entrar numa corporação, mas não tem esse incentivo”, disse.

Para representante da UPB, Luís Antônio Boudens, por analogia, o policial deveria ter aposentadoria especial da mesma forma que os militares, porque são as mesmas justificativas. “E também o perito e o papiloscopista, que são policiais e estão expostos ao mesmo risco; seria como dizer que o militar da área de infantaria tem aposentadoria especial, cavalaria tem, mas não a intendência”, disse.

Pensionistas
Além da aposentadoria especial, as entidades de policiais também defendem regras diferentes para pensionistas de policiais mortos. A regra geral prevista é de que a viúva de um policial receba apenas 50% da aposentadoria mais 10% por dependente. “Dessa forma, a família do policial, que divide as angústias da profissão, vai ficar desamparada caso algo ocorra com ele no serviço”, criticou Boudens.

Apesar de ressaltar que não se trata de uma ameaça, ele disse que pode se repetir um movimento como o que ocorreu no Espírito Santo, com greve de policiais e crimes tomando conta das ruas das cidades do estado. “As famílias e os policiais estão atentos ao que está acontecendo na reforma da Previdência.”

Reportagem - Marcello Larcher
Edição - Newton Araújo

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'


Prefeito Ozeas busca parceria com a Policia civil para combater a violencia em Pompéu

Posse
A Prefeitura de Pompéu está juntamente com a Polícia Civil ajustando as bases do novo convênio que será assinado. 

O último convênio assinado entre a Prefeitura e a Polícia Civil foi em 2013.  

O Prefeito Ozéas se reuniu com a Polícia Civil e garantiu apoio e ratificou o compromisso com a Segurança Pública.   

Esta semana o Secretário Municipal de Governo e Gabinete, Marcus Vinicius Azevedo, se encontrou com representantes da Polícia Civil para tratar do assunto.

Bandidos armados atacam motorista em quebra-molas em rodovia em Pompéu

Resultado de imagem para quebra molas
Dois homens armados atacaram  um motorista se aproveitando da diminuição da velocidade causada por um quebra molas situado na Rodovia MG 420 próximo ao estabelecimento denominado Bar do Lafaiete, onde existe uma balança e fiscalização de cargas.

No local há quatro lombadas denominadas popularmente de quebra-molas para forçar os veículos a reduzirem sua velocidade,  bandidos armados aproveitaram a situação de renderam o motorista do veiculo Renalt Logan placa HJU 3509 da cor prata e levaram o veiculo.

Os ocupantes nada sofreram.

Ilegalidade perigosa.

As lombadas denominadas quebra-molas são um artifício barato que pune indistintamente todos os motoristas. Além de ilegal pois não está contemplada no Código de Transito Brasileiro, costuma provocar muitos acidentes. Os bandidos agora descobriram que o quebra-mola pode ser um forte aliado para a prática de assaltos pois o motorista não tem como fugir sob o risco de capotar seu veículo.

Lombada eletrônica.

Recentemente um equipamento redutor eletrônico de velocidade colocado em uma curva foi completamente destruído em Pompéu depois que um jovem foi assaltado a baleado no local. Na época o equipamento foi considerado o responsável pelo crime. Agora uma estrutura ilegal que existe em praticamente todas rodovias do pais tem facilitado o trabalho dos bandidos.

Duas ideias de políticos "geniais": desarmar o cidadão de bem e instalar quebra molas para que as vitimas além de não poder se defender, fiquem impedidas de fugir rapidamente com seu veiculo...os bandidos agradecem.......

Informações ligue 181 ou 190.

Resultado de imagem para cidadão desarmado
Resultado de imagem para cidadão desarmado