Postagem em destaque

Pedacinho do céu? Um baleado por dia em Pompéu.

Nos últimos dois dias pelo menos uma pessoa foi vítima de tiros em Pompeu. No domingo um jovem foi baleado a noite nas proximidades d...

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Pedacinho do céu? Um baleado por dia em Pompéu.

Resultado de imagem para pompeu violencia charge

Nos últimos dois dias pelo menos uma pessoa foi vítima de tiros em Pompeu.
No domingo um jovem foi baleado a noite nas proximidades do Restaurante Aconchego no centro da cidade. O local e muito frequentado por jovens e estava lotado quando um homem chegou sacou uma arma e atirou contra a vítima que possuía vários passagens pela polícia. Houve pânico e correria e por sorte, os tiros não acertaram outras pessoas.
A vítima foi socorrida e levada para Belo Horizonte.
Nesta segunda-feira outro jovem foi também alvejado por tiros no bairro Várzea da Flores o fato foi semelhante ao anterior sendo que a vítima foi também socorrida.
Até agora ninguém havia sido preso.
Com um quadro reduzido a polícia investiga o caso.
Nas idas de 1950 o médico ponpeano Dr. Osvaldo fazia graça com a natureza violenta de seus conterrâneos.
Cansando de atender baleados na cidsde sentenciou: "aqui em Pompeu atiram em alguém só para apostar de que lado o corpo vai cair ao chão"   pelo visto uma profecia muito atual....

Presidente do Sindicato dos Escrivães reage a assalto e manda bandido "viajar'.

Os Policiais Civis BERTONE TRISTÃO, Escrivão de Polícia, BRUNO FIGUEIREDO VIEGAS, Escrivão de Polícia, relataram que encontravam-se dialogando em via pública, ao lado do veículo de propriedade de BRUNO, no logradouro Dr. Zeferino Mota, em frente ao numeral 295, bairro Santa Maria, BH/MG, quando por volta 23:30 horas, 01 (UM) automóvel FIAT / PUNTO, de cor ESCURA, se aproximou dos aludidos policiais civis, oportunidade em que desembarcaram do veículo punto 03 (TRÊS) indivíduos portando armas de fogo, proferindo os seguintes dizeres: “perdeu, perdeu”, anunciando o assalto. Em ato contínuo, com o fito de defender-se, o Escrivão de Polícia BERTONE abrigou-se e efetuou disparos de arma de fogo em face dos autores, seguido pelo Escrivão de Polícia BRUNO, o qual também desferiu disparos de arma de fogo. Concomitante aos disparos, os autores - que também desferiram disparos de arma de fogo em face dos policiais civis - retornaram para o interior do veículo punto, evadindo sentido Anel Rodoviário. Os policiais civis supramencionados de imediato acionaram o plantão da CEPOLC narrando todo o ocorrido, momento em que passaram aguardar o apoio do Grupo de Pronta Resposta (GPR), que se deslocou na viatura policial HMG-3418, coordenada pelo sub-inspetor RICARDO MOURÃO, masp 294.717, o qual por sua vez reportou a informação de que minutos após a ocorrência de tentativa de roubo seguida de troca de tiros – 01 (UM) indivíduo havia dado a entrada na UPA OESTE atingido por disparos de arma de fogo. Em companhia da equipe do GPR os policiais civis solicitantes compareceram na UPA OESTE com o fito de identificar o paciente que se achava baleado na unidade. O Escrivão de Polícia BERTONE reconheceu o menor infrator ERIK HENRIQUE FERREIRA BASTOS na qualidade de 01 (UM) dos autores do roubo tentado, ora narrado. Os policiais civis do GPR entrevistaram o aludido menor infrator, oportunidade em que o mesmo assumiu o intento de juntamente com 03 (TRÊS) comparsas praticar o roubo do veículo de BRUNO. O menor infrator confirmou, na presença dos enfermeiros e da equipe GPR, os autores que se achavam no interior do veículo punto portavam armas de fogo no momento da ação. O autor ERIK confirmou possuir registros policiais por ato infracional análogo ao tráfico de drogas, conforme REDS 2016-006556095-001. O veículo foi localizado abandonado no bairro Nova Cintra o veículo FIAT / PUNTO – placas HMR-5744, que possui queixa de roubo, registrada sob o REDS 2016 – 18197136 – 001, no qual a vítima WAGNER FERNANDES DE ALMEIDA narrou o roubo noticiado com o mesmo modus operandi, sendo praticado por 04 (QUATRO) autores, sendo 01 (UM) na direção do veículo e os demais portando armas de fogo. Após dar entrada na UPA OESTE, o autor ERIK HENRIQUE FERREIRA BASTOS foi transferido para o Hospital João XXIII, no qual segundo informações preliminares, foi submetido a procedimento cirúrgico, em vista de ter sido alvejado por 02 (DOIS) disparos.

domingo, 21 de agosto de 2016

Traficante tortura e mata idosa dentro de casa em Pintangui.

Filho dela chegou ao local e agrediu o suspeito. Vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu.

20/08/2016 18h52 - Atualizado em 20/08/2016 19h27

Por Anna Lúcia Silva

Do G1 Centro-Oeste de Minas

Uma idosa 77 de anos foi morta no Bairro São Francisco, em Pitangui, na tarde deste sábado (20). De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar (PM), o criminoso entrou na casa da vítima e a agrediu com socos, chutes e a estrangulou.

Em seguida o filho da vítima chegou ao local e agrediu o suspeito, que ficou gravemente ferido, segundo a PM. A idosa chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos causados pelas agressões.

O suspeito foi escoltado até a Santa Casa de Misericórdia de Pitangui, onde está sendo atendido. Vários moradores cercaram o hospital revoltados com a situação, que está controlada, segundo a PM.

Os militares destacaram que o suspeito tem passagens por tentativa de homicídio, tortura, sequestro, tráfico de drogas, furtos e roubos. A PM não soube informar o motivo da agressão.

A Polícia Civil irá investigar o caso.

 

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Agente penitenciário é metralhado ao sair do serviço.

Vítima seguia pela Avenida João Naves quando disparos foram feitos. Situação semelhante foi registrada em agosto do ano passado.

17/08/2016 08h36 - Atualizado em 17/08/2016 09h26

Por Caroline Aleixo

Do G1 Triângulo Mineiro

Agente foi assassinado na Avenida João Naves de Ávila (Foto: G1)

Um agente penitenciário foi assassinado na manhã desta quarta-feira (17), no Bairro Santa Mônica, emUberlândia. De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar (PM), ele havia acabado de sair do trabalho e seguia para casa. Ainda não foram divulgados o nome e a idade do agente.

G1 entrou em contato com a Secretaria de Estado de Defesa Social de Minas Gerais (Seds-MG) e aguarda posicionamento sobre o assunto, bem como informações de carreira do servidor.

O crime foi registrado próximo à estação de ônibus João Balbino no corredor da Avenida João Naves de Ávila, por volta das 7h30. O agente seguia pela via quando vários disparos foram feitos contra o carro. Um dos tiros acabou acertando a cabeça da vítima, que morreu no local.

A perícia foi acionada. Não há informações sobre suspeitos e motivação do crime. O registro da ocorrência ainda está sendo realizado. 

Outro agente foi assassinado em agosto de 2015
Há exatamente um ano, outro agente penitenciário do Presídio Professor Jacy de Assis também foi assassinado depois que voltava do trabalho. Ele foi alvejado por pelo menos sete tiros na noite do dia 16 de agosto de 2015.

A vítima foi encontrada caída ao solo com vários ferimentos, chegou a ser socorrida e levada ao pronto-socorro do Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU), mas não resistiu.

Testemunhas relataram que dois autores estavam em uma motocicleta de cor escura. O condutor da moto emparelhou os dois veículos e, em seguida, o autor da garupa efetuou os disparos contra o agente. Os suspeitos de assassinar o agente Edson Ferreira da Silva, de 49 anos, foram presos durante a Operação "Hades", realizada pela Polícia Militar (PM) e pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado de Uberlândia (Gaeco), um mês após o crime.

 

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Medalha de chumbo para o Brasil :Grupo rende policiais militares e explode viatura da PM

Criminosos usavam coletes parecidos com os da Polícia Civil. Assaltantes abandonaram carro no Rodoanel, em Ribeirão Pires.

15/08/2016 20h36 - Atualizado em 15/08/2016 21h38

Por Glauco Araújo*

Do G1 São Paulo

Criminosos explodem carro da Polícia Militar no Rodoanel, perto de Ribeirão Pires e Mauá (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Cinco criminosos usando coletes parecidos com os da Polícia Civil explodiram um carro da Polícia Militar após renderem bombeiros e PMs na rodovia Mogi-Dutra, em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, na noite desta segunda-feira (15). A PM acredita que a intenção da quadrilha era roubar três carros-fortes que iriam subir a Mogi-Dutra nesta noite.

Por volta das 19h, uma equipe do Corpo de Bombeiros se deparou com um carro capotado na rodovia, em uma das entradas de Mogi das Cruzes. Sem saber que eram criminosos, um coronel e um cabo do Corpo de Bombeiros pararam para auxiliar as vítimas. Os cinco ocupantes não tinham ferimentos e estavam com fuzis, além da roupa parecida com a da Polícia Civil.

Policiais militares que passavam pelo local também pararam para ajudar. No momento em que se aproximaram dos criminosos, eles foram rendidos e tiveram de deitar na pista. Os criminosos teriam dado disparos de metralhadora para o alto. Nenhum policial ficou ferido.

Os assaltantes tentaram roubar o veículo dos bombeiros, mas ele ficou emperrado na pista. O grupo, então, fugiu com as armas dos policiais e com o carro da PM. Eles abandonaram o veículo no Rodoanel, perto de Ribeirão Pires e Mauá, no ABC. Na fuga, eles explodiram o carro da corporação, que ficou completamente destruído e teve parte do teto arrancado com o impacto.

O caso era registrado no 2º Distrito Policial de Mogi das Cruzes. Nenhum suspeito tinha sido preso até a publicação desta reportagem.

* (Com informações do G1 Mogi das Cruzes e Suzano)

 

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Assaltopeu 2: drogaria é assaltada em Pompeu.

Na tarde deste domingo mais um estabelecimento foi assaltado em Pompeu. Desta vez foi a Drogaria Aliança. Segundo informações preliminares dois homens usando capacete e armados invadiram a Farmácia renderam os funcionários e levaram todo o dinheiro do caixa.
Infelizmente uma onda de assaltos tomou conta de Pompeu.
A polícia investiga o caso.

sábado, 13 de agosto de 2016

Assaltopeu: loja credenciada da Caixa é assaltada na Volta do brejo em Pompéu.



A loja credenciada da Caixa Federal Cred Mais foi assaltada na tarde desta sexta em Pompéu, dois homens entraram no estabelecimento armados e ameaçaram os funcionarios. Com a arma apontada na cabeça eles tiveram de entregar todo o dinheiro.



Mania.


Este tipo de ocorrência vem se tornando corriqueira em toda a região e a maioria dos assaltantes é composta por menores que em alguns casos já foram apreendidos diversas vezes e colocados nas ruas novamente.

Mais uma vez a policia procura pista dos assaltantes.

Veja o vídeo clicando no item abaixo:

Fique esperto: Gripe suína matou 11 no Centro Oeste de Minas sendo um caso em Bom Despacho


 
spspace 
 

Boletim da SES-MG foi divulgado nesta quinta-feira (11).Último boletim apresentava oito mortes na região.

 
spacespace

 




0]  
 
 

 
space
 
Subiu para onze o número de mortes por H1N1 no Centro-Oeste de Minas. O novo boletim da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) foi divulgado nesta quinta-feira (11). O último boletim apontava oito mortes na região.

As mortes associadas ao subitpo A/HI1N1 foram registradas nas cidades de Bom Despacho (1), Capitólio (1), Divinópolis (2), Dores do Indaiá (1), Formiga (1), Itapecerica (1), Itaúna (1), Lagoa da Prata (1) e Pará de Minas (2).
 
Já as mortes associadas ao vírus Influenza A não subtipado são seis na região. Duas em Formiga, uma em Bom Despacho, uma em Martinho Campos, uma em Oliveira, uma em São Roque de Minas.
 
Sem informações sobre o tipo de vírus da Influenza, duas mortes foram confirmadas em Formiga.
 
Entenda a doença
A gripe é uma doença infecciosa causada pelo vírus Influenza e acomete as vias respiratórias. Entre os sintomas, é comum o aparecimento de espirro, tosse, febre alta, dor de cabeça e prostração. A transmissão da gripe ocorre, geralmente, por secreção e pela inalação de partículas de saliva infectada em suspensão no ar. Por isso, para se prevenir contra a gripe, é muito importante mudar alguns hábitos como, por exemplo, lavar a mão com mais frequência e levar o antebraço à boca ao espirrar ou tossir.
 
Ela ocorre durante todo o ano, mas é mais frequente no outono e no inverno, quando as temperaturas caem, principalmente no Sul e Sudeste do Brasil. Algumas pessoas, como idosos, crianças, gestantes e pessoas com alguma comorbidade, têm um risco maior de desenvolver complicações.
 
A gripe pode ser causada pelos vírus Influenza A, B e C. Os vírus A e B apresentam maior importância clínica. Estima-se que, em média, as cepas A causem 75% das infecções, mas em algumas temporadas, ocorre predomínio das cepas B. Os tipos A e B sofrem frequentes mutações e são responsáveis pelas epidemias sazonais, também por doenças respiratórias com duração de quatro a seis semanas e que, frequentemente, são associadas com o aumento das taxas de hospitalização e morte por pneumonia. Já o tipo C causa problemas respiratórios leves e infecta humanos, cachorros e porcos.
 
Na sua grande maioria, os casos de gripe são leves e se resolvem espontaneamente sem sequelas ou complicações. Entretanto, nos grupos mais vulneráveis, o caso pode se complicar e gerar outras doenças graves; daí a importância de uma vigilância ativa nesse público. Sendo assim, é de notificação compulsória os casos de Síndrome Respiratória
Aguda Grave (SRAG) causada por influenza e a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais realiza um estudo epidemiológico da frequência de casos e óbitos segundo a identificação do vírus Influenza no estado.

Padeiro, atividade de risco em Bom Despacho

Mais uma padaria foi assaltada na noite desta sexta-feira em Bom Despacho. Desta vez foi a do bairro Rosário. Segundo a polícia os bandidos chegaram armados e anunciaram o assalto. O meliantes ainda efetuaram um disparo de arma dentro do estabelecimento. A perícia esteve no local e a polícia investiga o caso.
Cidadão ajude a polícia com informações no número 181, 190 ou 35219000, seu nome será mantido em sigilo.

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Gerente do Banco do Brasil é mantido refém com explosivo amarrado no corpo em Felixlandia


Gerente Banco do Brasil rendido ontem, por volta das 19 horas em sua residência. Lá permaneceu durante toda madrugada sob poder dos bandidos. 

Pela manhã deslocaram com ele ao banco e mantiveram os servidores que chegavam ao trabalho trancados no banheiro. Amarraram no gerente um artefato explosivo e conseguiram subtrair toda quantia que estava no cofre. Somente após evadirem é que tomamos conhecimento. 

Equipe do Deoesp acompanhada pelo Dr Ramon Sandoli, deslocou com apoio aéreo e desativaram o artefato, que se apresentou como simulacro. 

Gerente encaminhado ao hospital e ocorrência fechada pela PCMG.. A policia iniciou uma investigação visando apuração do crime

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Policiais que caçaram 'caçadores' de pokémon em frente delegacia poderão ser caçados pela Corregedoria.

Policiais filmaram jovens que jogavam em frente a uma delegacia em Cuiabá.
A família de um dos jovens procurou a polícia para denunciar o caso.




Dois amigos que jogavam 'Pokémon Go' no celular foram detidos por dois policiais civis na madrugada de terça-feira (9), em Cuiabá. Um vídeo gravado por um dos policiais e postado na rede social do agente mostra a cena, ocorrida em frente a uma delegacia da Polícia Civil, no Bairro Jardim das Américas. A família de um dos jovens de 19 anos registrou um boletim de ocorrência nesta quarta-feira (10), denunciando o suposto abuso de autoridade dos policiais que atuaram na ação. A Polícia Civil informou que o caso será investigado.

 
Nas imagens, os jovens aparecem deitados no chão enquanto são revistados pelos policiais. Um deles pergunta se os jovens “querem morrer” perambulando pelas ruas naquele horário. "Dois veadinhos catando pokémon de madrugada", diz um dos policiais durante a ação.

De acordo com Polícia Civil, a Corregedoria recebeu uma cópia do vídeo e deve instaurar um inquérito para apurar o caso. A polícia informou ainda que a abordagem foi feita em frente à Gerência de Combate ao Crime Organizado da capital.

A socióloga Imar Domingues Queiroz, mãe de um dos jovens que aparece no vídeo, afirmou que a atitude mostrou o despreparo dos policiais. “Eles [jovens] não estavam cometendo nenhum crime e os policiais agiram com abuso de poder e de autoridade. A abordagem dos policiais agrediu o direito de ir e vir do cidadão”, argumentou.
Ele e o amigo se sentiram amedrontados e humilhados"
Imar Domingues Queiroz, socióloga e mãe de um dos jovens
Segundo Imar, o filho dela é estudante do ensino médio e estava em casa com o amigo. Os dois saíram do prédio para ‘caçar’ pokémons por volta de 1h [horário de Mato Grosso]. A socióloga, que é professora do departamento de Serviço Social da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), disse que só ficou sabendo do fato no dia seguinte.

“Ele só me contou porque o vídeo começou a circular e os amigos estavam perguntando se era ele mesmo e o que tinha acontecido”, disse Imar. Ainda segundo ela, o filho contou que ele e o amigo chegaram a ser agredidos e que os policiais dispararam tiros durante a abordagem. “Ele e o amigo se sentiram amedrontados e humilhados. É possível até ver isso na feição deles”, completou.

Imar trabalha com grupos voltados aos direitos humanos. Ela criticou a forma com que os jovens foram abordados. “Ainda que eles fossem criminosos teriam que ser punidos em determinadas condições, porque não vivemos mais em um estado de barbárie”, argumentou.

A professora avalia ainda que o comportamento dos policiais foi homofóbico. “Meu filho não é gay, mas, ainda que fosse, teria o direito de ser respeitado e ter seus direitos garantidos”, afirmou.
À família, os jovens relataram que não conseguiram ver os rostos dos policiais porque estavam deitados no chão.


Super So de Pompeu é assalto


Gurp compareceu no Supermercado “SUPER SÔ” localizado na Rua PROFESSORA EROTILDES nr 1463 no Bairro TREVO, onde as vítimas T.L.M, 19 anos, e D.E.A.S.M, 24 anos, relataram que dois indivíduos, um trajando blusa com capuz estampada com a face do “BOB MARLEY” e calca jeans, o outro usando blusa preta de capuz e bermuda jeans, ambos armados aparentemente de pistolas, entraram no estabelecimento anunciando assalto, indo até os dois caixas de onde subtraíram a quantia de aproximadamente R$600,00 (seiscentos reais) em dinheiro.
Um terceiro indivíduo usando roupa clara permaneceu do lado de fora dando cobertura aos comparsas e em seguida os três evadiram tomando rumo ignorado.
A vítima T. reconheceu através de foto como um dos autores o foragido do presídio local G.V.S.
O local possui sistema de filmagem que gravou toda a ação delituosa. Segue rastreamento


Assista o vídeo. 

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Dupla de traficantes briga por causa de balança policia é acionada e os dois são presos em Pompéu.


Detidos informaram locais onde escondiam drogas e materiais de tráfico.
Eles foram levados para a Delegacia de Bom Despacho.

Do G1 Centro-Oeste de Minas
Dois homens de 31 e 36 anos foram presos pela Polícia Militar (PM) nesse domingo (7), após se envolverem em uma briga por conta de uma balança de precisão, no Bairro Nossa Senhora Aparecida, na cidade de Pompéu. Com eles também foram apreendidas drogas e vários materiais.

De acordo com a PM, após a discussão, a polícia fez uma abordagem ao homem de 31 anos e, com ele, apreendeu uma faca e R$ 146 em dinheiro. Em seguida, a polícia seguiu até a casa do homem de 36 que, ao perceber a presença policial, jogou uma balança de precisão fora.
Os dois relataram para a polícia que escondiam drogas em dois lotes vagos. Na checagem, a PM encontrou três porções de maconha - com quantidade não informada, uma faca, um prato, várias sacolinhas utilizadas para embalar drogas e 57 pedras brutas de crack que, de acordo com um detidos, renderiam mais de 1 mil pedras para serem comercializadas.
Os dois foram levados para a Delegacia de Bom Despacho, juntamente com o material apreendido.

domingo, 7 de agosto de 2016

Familiares de PMs mortos fizeram ato no Maracanã



Parentes de policiais mortos realizaram um protesto e caminharam em direção ao estádio do Maracanã. .

No meio do percurso, o grupo chegou a ser impedido de passar pela via principal por causa das interdições para a cerimônia de aberta da Olimpíada no estádio do Maracanã.

No ato, viúvas fizeram oração e soltaram balões brancos manchados de tinta vermelha, simbolizando o sangue das vítimas. Os balões carregava fotos dos PMs mortos. Quando chegaram no Maracanã, por volta das 11h, elas entregam flores e abraçam os PMs que estavam no entorno do estádio  para a festa de abertura da Olimpíada.

"Meu marido era um homem de bem, trabalhava muito pra dar p mínimo de dignidade pra família dele. A filha dele tem 7 anos e ninguém nunca procurou. E agora? O que que eu faço? Ele morreu trabalhando dentro da favela do Jacarezinho", disse Josiane Modesto, viúva há oito meses de um PM da UPP do Jacarezinho.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Lei Maria da Penha poderá ser aplicada em casos de agressões a travestis.

03/08/2016 09:42

Reprodução

Transexual Lea T

O Conselho Nacional de Procuradores-Gerais decidiu que todas as promotorias do país podem aplicar a Lei Maria da Penha, que completa dez anos no domingo (7), a casos de agressões a mulheres transexuais e travestis que não fizeram cirurgia de mudança de sexo e não alteraram o nome ou sexo no documento civil.

Todas somos Maria
A Justiça de SP e a do Acre já tinham tomado decisões no mesmo sentido. Na mais recente delas, na semana passada, o juiz Danniel Bomfim, de Rio Branco, entendeu que “o sexo biológico de nascimento (masculino) não impede que a vítima, cuja identidade sexual é feminina, seja reconhecida como mulher, sendo assim sujeita à proteção da Lei Maria da Penha”.

Fonte: Jornal Jurid

Só no Brasil: Homem reage a assalto mata ladrão e inventa que é cônsul da Rússia para não ser preso.

     OLIMPÍADA NO RIO• DO RIO • 04/08/2016 - 21:16

Um homem reagiu a uma tentativa de assalto nesta quinta (4), no Rio, e matou o assaltante. Posteriormente, afirmou ser vice-cônsul da Rússia no Estado de Minas Gerais - informação que não é verdadeira - e apresentou uma falsa carteira de identificação do consulado.

De acordo com a polícia, Marcus Cezar Feres Braga estava dirigindo na avenida das Américas, na Barra da Tijuca, na altura do número 6.000, sentido Recreio dos Bandeirantes, quando foi abordado pelo assaltante.

Braga começou uma luta corporal com o assaltante e, durante a luta, a arma do agressor efetuou tiros. O assaltante não resistiu e morreu no local. A identidade dele não foi revelada. A Polícia Civil fez uma perícia no local e diligências estão em andamento.

Na delegacia, Braga se apresentou como advogado e mostrou uma carteira que o identificava como vice-cônsul.

O cônsul-geral da Federação Russa no Rio de Janeiro, Vladimir Tokmakov, negou que Marcus Cezar Feres Braga tenha qualquer vínculo com representações russas no Brasil.

"Este cidadão não tem qualquer vínculo com consulado, embaixada ou qualquer representação russa no país. Inclusive nossas representações só admitem integrantes de nacionalidade russa", disse à Folha.

Segundo Tokmakov, a carteira apresentada é falsa.

"A Rússia não emite carteiras de identificação de cônsul para ninguém", disse.

+ ERRAMOS: O conteúdo desta página foi alterado para refletir o abaixo

Inicialmente, a Folha informou que Marcus Cezar Feres Braga, que reagiu ao assalto, era vice-cônsul da Rússia no Estado de Minas Gerais. Contatada, a representação russa no Brasil negou qualquer vínculo com Braga.

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Vice-cônsul russo reage e mata assaltante. Se fosse polícial brasileiro seria devorado pelos direitos humanos.


Do UOL, no Rio de Janeiro

Durante a passagem da tocha olímpica pela Barra da Tijuca nesta quinta-feira, o vice-cônsul da Rússia no Rio de Janeiro reagiu a uma tentativa de roubo e matou o assaltante, informou a Agência Brasil. Ele dirigia uma BMW e estava com a mulher e a filha quando dois criminosos se aproximaram de moto e anunciaram o crime. O diplomata puxou o bandido para dentro do carro, tomou a arma e disparou. O comparsa que pilotava a moto fugiu.

O caso aconteceu na Avenida das Américas por volta do meio-dia em frente a BRT e a poucos metros do Parque Olímpico. A Polícia Civil foi chamada para fazer a perícia e as investigações ficara sob responsabilidade da Delegacia de Homicídios da Barra da Tijuca. O nome do morto e do vice-cônsul não foram divulgados. O consulado da Rússia informou que dará informações a partir da manhã de sexta-feira.

 

Comunicar erro

Depois de derrubar Chefe Cabo Júlio recebe pedido de desculpas da Polícia Civil.


O Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), por meio de seu representante, o chefe adjunto da PC, Delegado Antônio Carlos Alvarenga, pediu desculpas em público ao equívoco, da então titular da Instituição - Delegada Andrea Vacchiano, de não comparecer às audiências públicas da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), quando convocada, para esclarecer a intenção da PC de retirar do Barreiro a 36ª Delegacia Regional em Belo Horizonte. Vacchiano, que foi exonerada nessa quarta-feira (03/08), foi convocada por duas vezes pela Comissão a pedido do Deputado CABO JÚLIO, para informar a comunidade do Barreiro se pretendia retirar a Delegacia Regional do centro do Barreiro e leva-la para o bairro Buritis. O pedido de desculpas pela Polícia Civil foi feito na manhã desta quinta-feira (04/08) em reunião realizada para tratar o assunto.

Em sua justificativa, a delegada disse que não existe obrigação legal e que sua ausência na audiência pública não caracteriza infração administrativa ou crime de responsabilidade. Para o chefe adjunto, a decisão foi equivocada tanto politicamente, quanto no campo jurídico.

De acordo com o artigo 54 da Constituição Estadual, a Assembleia Legislativa ou qualquer de suas comissões poderão CONVOCAR Secretário de Estado, dirigente de entidade da administração indireta ou titular de órgão diretamente subordinado ao Governador do Estado para prestarem, pessoalmente, informações sobre assunto previamente determinado, sob pena de responsabilidade, no caso de ausência injustificada.

A delegada havia sido convocada para a reunião que seria realizada no dia 17 de maio, em razão de sua ausência, a reunião da Comissão de Segurança Pública foi suspensa e remarcada para o dia 6 de junho. Nesta data, a chefe da PC enviou novamente um ofício em que relata ser equivocada a informação de que a delegacia seria transferida. "A Polícia Civil do Estado de Minas Gerais não possui nenhum planejamento, pretensão ou qualquer menção de desativação ou de mudança geográfica da delegacia regional do Barreiro. A única medida adotada foi a suspensão temporário de recebimento de presos em razão da falta de local apropriado à custódia...", informa o ofício.

"Essa foi a decisão da então titular da qual não coadunamos. Não é esse o pensamento da Polícia Civil", disse o chefe adjunto da Polícia Civil. Para ele, é um equívoco degladiar com Assembleia Legislativa. "independentemente de posição partidária, a Instituição precisa estar aliada com os poderes, mas esperamos que o assunto esteja superado'', reforçou.

Para CABO JÚLIO, autor dos requerimentos de pedido de audiência pública, a ex-chefe e delegada Andrea Vacchiano poderia ter resolvido o assunto de forma ''tranquila". A decisão "equivocada" da delegada constrangeu os deputados e causou, segundo CABO JÚLIO, um alvoroço e um mal-estar político. Ainda em suas palavras, Vacchiano se preocupou muito mais em justificar a própria ausência do que explicar o fato. "Ninguém faz concurso para chefe de polícia, é um cargo político e que por isso deve haver conversa com os parlamentares. A delegada criou um celeuma desnecessária. Eu nunca vi, nem conheço a Dra Andrea, não tenho nada contra ela, porém o poder/dever de fiscalizar os atos do executivo, o parlamento não abre mão", afirmou.

Conversa entre delegados vaza e gera conflito - Durante uma reunião entre os delegados, o conteúdo de uma conversa acabou vazando e chegando ao conhecimento da Comissão, de acordo com o Deputado CABO JÚLIO. Ele revelou ser da chefe do 1º Departamento de Polícia Civil, delegada Rita de Cássia Januzzi, a intenção de desativar a delegacia. A manifestação do parlamentar atendeu a um pedido da própria Januzzi que questionou, durante a reunião, a autoria da denúncia. O parlamentar criticou a postura e disse que ela está na contra-mão da nova proposta da Instituição, conforme anunciou o chefe adjunto de interagir com os poderes legislativo e executivo. Januzzi negou a afirmação e disse que a intenção era apenas paralisar o recebimento de presos sob custódia, em razão da falta de infraestrutura do local.

Delegacia do Barreiro - O anúncio de que a delegacia do Barreiro seria desativada causou alvoroço entre os moradores, comerciantes, vereadores e deputados que atuam na região. A repercussão gerou protestos e resultou em pedido de explicação à chefia de Polícia Civil na ALMG. CABO JÚLIO, que nasceu e trabalhou no Barreiro, disse que, como representante local, não abre mão da própria legitimidade de lutar pela delegacia. 

O Barreiro é uma região que concentra cerca de 60 bairros e 18 vilas com população estimada de 300 mil habitantes, segundo o censo IBGE de 2010, sendo considerada uma Região Administrativa da capital. Após às 18 horas, a delegacia recebe as ocorrências de Nova Lima, do próprio Barreiro e da regional Sul de Belo Horizonte.

CABO JÚLIO lembra que a intenção da chefia da PC era desativar a delegacia transformando-a em delegacia distrital e levando a delegacia regional para o bairro Buritis, ambos na região Oeste da capital. Para CABO JÚLIO é desproporcional considerando que o bairro Buritis é menor que o Barreiro. "O prédio onde está instalada a delegacia regional foi reformado com recursos da própria comunidade e de empresários. Não é justo essa transferência em uma região tão volumosa como a do Barreiro', destacou.

Investimentos - O Deputado CABO JÚLIO anunciou durante a reunião investimento de R$ 2 milhões, por meio da União, para a Polícia Civil. Ele pretende se reunir com a nova chefia para discutir onde o recurso será aplicado. CABO JULIO lembrou ainda que ele foi o único parlamentar a destinar recursos por meio de emendas para o Hospital da Polícia Civil no valor de R$ 500 mil, em 2015. O parlamentar aproveitou para solicitar mais dois delegados para a delegacia que, atualmente, conta apenas com dois servidores e um investigador. ''Já pedi uma audiência com o Governador. Precisamos dar um tratamento mais diferenciado para a PC. Precisamos abrir concurso para delegados anualmente, nos mesmos moldes para oficial na Polícia Militar", afirmou.

Para reforçar os trabalhos, serão designados 24 investigadores para o Barreiro, de acordo com um mapeamento que está sendo feito pela Polícia Civil, com a promessa de serem nomeados mais 200 profissionais segundo Antônio Carlos Alvarenga, chefe adjunto da PC. Ainda de acordo com Alvarenga, será retomado o contato pelo policial militar via aplicativo Skype, para evitar o impacto dos plantões, além de uma mudança com relação à interlocução com o poder legislativo para melhorar o canal de comunicação.

"Pra mim, o assunto está encerrado. Precisamos agora lutar por mais servidores e investimentos para a Policia Civil", afirmou CABO JULIO.

BLOG DO CABO JÚLIO às 13:45:00

Compartilhar

 

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Mesmo ganhando o dobro dos seus colegas do resto do pais Policiais Civis de Brasilia param de trabalhar e exigem reajuste.


Categoria pede paridade salarial com PF; G1 aguarda retorno do Buriti.
Mané Garrincha tem rodada dupla e estreia da seleção brasileira nos Jogos.

Mateus RodriguesDo G1 DF
Militares em frente ao Estádio Nacional durante apresentação das forças de segurança para a Olimpíada (Foto: Andre Borges/Agência Brasília)Militares em frente ao Estádio Nacional durante apresentação das forças de segurança para a Olimpíada, em julho (Foto: Andre Borges/Agência Brasília)
Policiais civis do Distrito Federal aprovaram em assembleia, nesta quarta-feira (3), uma paralisação geral de 48 horas válida a partir das 8h desta quinta (4). O período inclui a estreia deBrasília como subsede da Olimpíada Rio 2016. Segundo o sindicato, o movimento tem adesão de delegados e agentes de investigação.
O estádio Mané Garrincha recebe dois jogos de futebol masculino na tarde desta quinta, na estreia da modalidade na competição. Às 13h, Iraque e Dinamarca se enfrentam em campo. Logo após, às 16h, a seleção brasileira joga com a África do Sul no Mané. O funcionamento de uma delegacia no interior do Mané Garrincha, sob a arquibancada, também deve ser suspenso.
G1 entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública, com a Procuradoria-Geral do DF e com o Palácio do Buriti para saber se o movimento será questionado na Justiça, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem. O sindicato diz que aguardava uma reunião com representantes do governo ainda nesta quarta, o que não ocorreu.
Em coletiva no último dia 28, a secretária de Segurança Pública, Márcia de Alencar, afirmou que não temia o "boicote" de policiais civis e militares, que chegou a ser sugerido pelo deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) em uma reunião com PMs no início de julho. Segundo ela, as tentativas já tinham sido afastadas.
"Os plantões estarão reforçados e garantidos independentemente das circunstâncias de adesão à greve. A operação [na Olimpíada] se dá principalmente no policiamento de rua e em operações de salvamento, feitos pela PM e pelos Bombeiros. A greve [dessas corporações] é um crime militar, a tentativa de alguns grupos já está distante", disse à época.
Até momento, a Polícia Civil fazia apenas operações-padrão, com redução no número de horas extras e de diligências. Não havia ameaça de paralisação geral. No plano original da Segurança Pública, a Polícia Civil teria uma delegacia montada dentro do estádio Mané Garrincha, em atuação conjunta com o Juizado do Torcedor.
Reforços também eram previstos para 1ª DP (Asa Norte), 2ª DP (Asa Sul), na 5ª DP (área central), na Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) e na Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) – todas no Plano Piloto, a poucos quilômetros do Mané Garrincha.
Luta salarial
A assembleia começou às 14h e reuniu cerca de 2 mil policiais civil no Eixo Monumental, em frente ao Palácio do Buriti. Na convocação, o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) pedia que os agentes comparecessem de preto e já previa uma possível "entrega dos cargos" de confiança.
Por volta de 18h20, após as votações da assembleia, os policiais fecharam o Eixo no sentido Rodoviária-Rainha da Paz por cerca de dez minutos. De acordo com a Polícia Militar, a área foi liberada sem necessidade de intervenção.
Os policiais civis buscam equiparação com o reajuste proposto pelo Ministério do Planejamento às carreiras da Polícia Federal e encaminhado ao Congresso Nacional no último dia 21.
Segundo o Sindicato dos Policiais Federais no Distrito Federal (Sindpol), a categoria deve receber um aumento de 21% a partir de janeiro de 2017, parcelado em três anos. De acordo com levantamento da entidade, os vencimentos iniciais das carreiras federais, no ano de 2016, são de R$ 12.568,97 para agentes, papiloscopistas e escrivães e de R$ 19.177,07 delegados.”
Em carta divulgada no fim de julho, o governador Rodrigo Rollemberg diz que considera a equiparação salarial justa, mas a negociação salarial "deve levar em conta a situação de grave crise" do país.

Primeira mulher na Chefia da Polícia Civil fica no cargo menos de seis meses

Da Redação

portal@hojeemdia.com.br

03/08/2016 - 10h45 - Atualizado 13h09

Sindpol-MG/Reprodução /

João Octacílio Silva Neto estava no comando do Detran antes de assumir o cargo deixado por Andrea Cláudia Vacchiano

A Polícia Civil de Minas Gerais tem novo chefe a partir desta quarta-feira (3). O delegado-geral João Octacílio Silva Neto, que comandava o Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG), assumiu a função. Essa foi terceira mudança de comando promovida pelo governador Fernando Pimentel (PT).

A nomeação de Silva Neto foi publicada na edição de hoje do "Minas Gerais", Diário Oficial do Estado. Antes de assumir o cargo, ele foi nomeado chefe-adjunto da corporação e já atuou como delegado nas cidades de Belo Horizonte, Ponte Nova, João Monlevade, Ipatinga e Itabira

O motivo da exoneração da delegada-geral Andrea Cláudia Vacchiano não foi revelado pela Polícia Civil nem pelo Governo de Minas. Ela estava no cargo desde novembro de 2015 e fez história ao ser a primeira mulher a assumir o cargo.

Antes dela, a chefia estava a cargo do delegado Wanderson Gomes da Silva, que estava na função desde janeiro de 2015.

Saiba mais:​

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Idoso é morto com golpe de faca na zona rural de Santo Antônio do Monte

Familiares encontraram o corpo e acionaram a Polícia Militar (PM).
Polícia Civil procura suspeito do homicídio.

Do G1 Centro-Oeste de Minas
Um idoso de 62 anos foi encontrado morto pelos familiares, na zona rural de Santo Antônio do Monte, nesta segunda-feira (1º). O homem tinha uma perfuração de faca no peito. Nenhum suspeito do crime foi encontrado.
De acordo com a Polícia Militar (PM), o corpo estava caído na estrada que dá acesso a entrada de uma fazenda. A perícia técnica foi acionada e identificou a facada. Após os trabalhos de praxe, o corpo foi liberado para a funerária.
Para a PM, os familiares relataram que o homem tinha um temperamento difícil e já havia brigado com alguns vizinhos. Foi realizado um rastreamento, mas a arma utilizada no crime não foi encontrada, nem suspeitos do crime.

Presidente ordena e policiais limpam a ruas.

Mais de 300 morrem nas Filipinas após presidente ordenar que polícia mate traficantes

Presidente "Justiceiro" disse que as drogas devem ser paradas "a qualquer custo"

COMPARTILHE

310

A guerra sangrenta e cruel do recém-eleito presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, contra o tráfico de drogas ilícitas está ameaçando o sistema judiciário do país e deixando a população com medo enquanto as ruas do país são cobertas de cadáveres.

Alguns dos corpos abandonados nas ruas aparecem vestidos apenas com cuecas, com as mãos e pés amarrados. Outros têm seus rostos cobertos com fita e com as roupas encharcadas de sangue.

Foto: Getty Images

Mulheres e membros das famílias dos mortos aparecem segurando os corpos inertes de seus entes queridos — mortos nas execuções sumárias realizadas por policiais, sem a oportunidade de passarem por um julgamento completo e justo.

Desde o início de julho, a polícia do país já assassinou quase 300 pessoas nas Filipinas — e o número de mortos continua subindo.

Em seu primeiro discurso como chefe de Estado ao parlamento, o presidente filipino, Rodrigo Duterte — apelidado de “O Justiceiro” — ignorou a indignação da população e da comunidade internacional com as mortes endêmicas e aplaudiu o trabalho da polícia assassina, dizendo que o tráfico de drogas “afogou o país” e deve ser parado “a qualquer custo”.

— Não vamos parar até que o último barão da droga e o último financiador tenham se rendido e colocados atrás das grades. Ou embaixo da terra, se quiserem.

Duterte ainda deixou claro que iria perdoar policiais acusados de violações dos direitos humanos durante a realização de suas ordens brutais.

Foto: Getty Images

Nem mesmo os compradores estão a salvo, já que o presidente exortou recentemente os cidadãos do país a “ir em frente e matar” não só traficantes, mas também os usuários de drogas.

Um dos principais advogados de direitos humanos do país, José Manuel Diokno, advertiu na semana passada que Duterte tinha “gerado uma explosão nuclear de violência que está fora de controle e está criando uma nação sem juízes”

Com informações do Daily Mail – R7

Saulo Prado

SINDEPOMINAS SE REÚNE NOVAMENTE COM O GRUPO DE ESTUDOS DA PCMG

quarta, 27 de julho de 2016

O SINDEPOMINAS participou na tarde dessa quarta-feira (27/07) de nova reunião do Grupo de Estudos das Carreiras da Polícia Civil, coordenado pelo Assessor Chefe de Relações Sindicais da SEPLAG, Carlos Calazans.  Logo no início do encontro, as entidades afirmaram que não reconhecem qualquer iniciativa isolada de negociação e jamais aceitarão qualquer acordo que venha a ser firmado entre o governo estadual e entidade de classe que represente os policiais civis fora daquele espaço conjunto de lideranças da PCMG, conforme prevê a Lei 7783/89 Direito de Greve. O SINDPOL-MG optou por se retirar do grupo no início de julho, não cabendo, portanto, à SEPLAG negociar em separado com qualquer entidade que por deliberação própria resolva se retirar das tratativas.

Conforme combinado, a Polícia Civil encaminhou às SEPLAG o relatório com os dados relativos ao montante dos pagamentos atrasados de férias-prêmio, quinquênios, promoções, progressões, entre outros. Contudo, Carlos Calazans não soube informar quando a SEPLAG irá apresentar um cronograma de pagamento, apesar de a Polícia Militar já contar com a sua programação e tê-la divulgado há bastante tempo, com início previsto para a próxima folha.

O pagamento de adicional noturno e hora-extra foi outra pauta de reivindicação de todas as categorias da PCMG. Apesar de ser um direito líquido e certo para o trabalhador no Brasil, a defesa desse pleito para os policiais civis foi reiterada pelo TJMG na reunião de conciliação entre o Estado e as entidades de classe. Os representantes da Chefia de Polícia, presentes também à reunião do Grupo de Estudos informou que a AG (Advocacia Geral do Estado)  sugeriu que fosse implementada aferição da presença por reconhecimento biométrico, mas a proposta foi rejeitada pelo conjunto das entidades de classe, já que o controle de presença na Polícia Civil já é feito há muito tempo e de forma eficiente pela instituição, inclusive sendo referenciada legalmente nas ações intentadas e reconhecidas pelo Poder Judiciário.

Nova reunião será agendada em breve pelas entidades de classe para que sejam pontuados os assuntos pacificados entre as categorias.

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Tapa na cara: Bandidos ateiam fogo em viaturas dentro de delegacia.



Na madrugada deste domingo duas viaturas que se encontrava no patio da Delegacia de Passa Quatro foram incendiadas, segundo informações preliminares trata-se de um incêndio criminoso e poderia ser uma represália de criminosos da cidade pela atuação firma]e da polícia local.



A Pericia esteve no loca e o laudo ficara pronto em 15 dias.

O policia da região procura pelos suspeitos.