Postagem em destaque

BANDIDOS ARMADOS ATACAM QUARTEL DA PM E MATAM POLICIAL CIVIL

Um policial civil foi assassinado pelos bandidos Roni Willer e José Marcos Taveira16.10.17 01h34Atualizado em: 16.10.17 05h23 Um policial...

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

PM mata colega após trote


Policial desceu de moto e disse ao outro PM 'perdeu, perdeu'.
O próprio PM levou o amigo para o hospital da cidade.

Denise SoaresDo G1 MT
210 comentários
Yung Caio Rodrigues não resistiu e morreu em Rondonópolis. (Foto: Reprodução/TVCA)Yung Caio Rodrigues não resistiu e morreu em
Rondonópolis. (Foto: Reprodução/TVCA)
Um policial militar morreu após ser baleado por outro PM, na madrugada desta sexta-feira (18) na cidade deRondonópolis, a 218 quilômetros de Cuiabá. De acordo com informações da Polícia Militar, um dos PMs tinha voltado de viagem, foi até a casa do amigo e tentou passar um trote nele, simulando um assalto. O colega achou que era verdade e disparou pelo menos duas vezes contra o amigo que estava de capacete em uma motocicleta.
Segundo o 5º Batalhão da PM, o caso ocorreu no final da noite de quinta-feira (17) na casa do policial, localizada no Bairro das Violetas. O policial militar estava em um veículo e saía da garagem para trabalhar. Nesse momento, o colega chegou em uma motocicleta e, sem tirar o capacete, desceu da moto, encostou no vidro do carro dele e disse ‘perdeu, perdeu’.
Ainda de acordo com a PM, o policial se assustou e achou que se tratava de um assalto e disparou contra o amigo. Um dos tiros atingiu o abdome do militar. Em seguida, o PM disparou outra vez e atingiu a perna do colega. Só então tirou o capacete e foi reconhecido pelo outro autor dos disparos.
O próprio PM levou o amigo para o Hospital Regional de Rondonópolis. Na unidade de saúde, a vítima passou por cirurgia e transfusão de sangue, no entanto, não resistiu e faleceu na madrugada. O policial teria perdido muito sangue, além de ter vários órgãos afetados.
Já o outro PM se entregou no 5º BPM. O militar tinha cerca de 13 anos de serviço, segundo informou ao G1 a corporação. O velório está sendo feito durante a manhã desta sexta-feira no clube da Polícia Militar de Rondonópolis. O corpo dele será transladado para a cidade de Barra do Garças, a 516 quilômetros da capital, onde vivem os familiares do PM.

Um comentário:

  1. Companheiros e companheiras isto é resultado de uma segurança pública ineficiênte. Onde o estado não pune de forma exemplar e possui um sistema carcerário caduco que premia a delinqüencia com indulto após o cumprimento de um terço da pena prevista e, também o indulto de natal. Outrossim permite ao condenado as visitas regulares de amigos e familiares bem como as visitas íntimas. Assim o condenado não precisa preocupar-se em melhorar. Come, bebe, fuma, toma banho de sol, tem segurança (ninguém o assaltará, nem será vítima de uma bala perdida)o estado garante.
    Para garantirmos aos contribuintes uma segurança pública de qualidade faz-se mister uma reforma urgente no sistema prisional e uma reforma ampla no sistema judiciário.
    Aproveito seu espaço, Esperidião para chamar os contribuintes a uma reflexão: não seria o momento de irmos as ruas e cobrar do governo qualidade na segurança pública?

    ResponderExcluir

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.