Postagem em destaque

Brasil da baderna: Papai Noel é apredrejado por adolescentes insatisfeitoscom os presentes

Um Papai Noel foi apedrejado por crianças depois que as guloseimas que distribuía em um trenó acabaram, no último domingo, 10, num bairro ...

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Policia prende justiça solta firma Delegado



Reprodução TV Alterosa
 Segundo o delegado, a liberação dos presos intimidam as testemunhas e dificulta o trabalho da polícia

14 de janeiro de 2013 - A Associação de Magistrados de Minas Gerais rebateu as declarações do delegado de Santa Luzia que afirmou ao Jornal da Alterosa, que 72 presos por homicídio na cidade, foram soltos pela justiça, em 2012.

Acompanhe o caso:
Delegado de Santa Luzia não aguenta mais prende e solta de bandidos e resolve denunciar

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Alterosa, o delegado de Santa Luzia Christiano Augusto Xavier culpou a justiça pela liberação dos criminosos. " Desarticulamos sete das maiores gangues que atuavam aqui em Santa Luzia e todos eles foram liberados por excesso de prazos na formação da culpa", contou o delegado.

A declaração polêmica de Xavier foi rebatida pelo desembargador Herbert Carneiro, que afirmou que os números não são verdadeiros. " Todas as decisões liberatórias de presos foram feitas de acordo com a lei", defendeu. Carneiro disse ainda que Amagis entrou com um processo contra o delegado. Veja os detalhes na reportagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.