Postagem em destaque

Bons de serviço, Policia Civil apreende grande quantidade de droga em Pompéu.

Numa ação de combate aos homicídios que vem ocorrendo em Pompéu a policia acabou apreendendo grande quantidade de droga na cidade. ...

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Polícia Civil prende Policiais Federais suspeitos de atentado.

Polícia Civil diz que os dois agentes, que estão aposentados, foram presos. Vítima perdeu três dedos por conta de explosivos, em julho deste ano.

27/12/2016 10h14 - Atualizado em 27/12/2016 12h06

Por Fernanda Borges e Murillo Velasco

Do G1 GO

Dois policiais federais foram presos suspeitos de mandar bomba para advogado (Foto: Murillo Velasco/G1)

A Polícia Civil prendeu, nesta terça-feira (27), os dois policiais federais aposentados Ovídio e Valdinho Rodrigues Chaveiro, que são irmãos, suspeitos de enviar um pacote com uma bomba para o advogado Walmir Oliveira da Cunha, de 37 anos, em Goiânia, em julho deste ano. Segundo a Polícia Civil, além dos dois mandados de prisão temporária contra eles, também foram cumpridos sete de busca e apreensão e três de condução coercitiva.

De acordo com o delegado Valdemir Pereira da Silva, da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), a suspeita é que o crime tenha sido motivado por uma ação familiar ganha pelo advogado.  "Neste momento a polícia está analisando todos os objetos apreendidos e posteriormente falará mais sobre os fatos. Queremos deixar claro que recebemos o apoio da Polícia Federal nesta ação e do Instituto de Criminalística", disse o delegado.

Além dos policiais detidos, um terceiro irmão deles também foi levado para a Deic por portar uma arma de fogo.

As defesas dos suspeitos detidos ainda não foram localizadas para comentar o caso. O G1 também tenta contato com a assessoria de imprensa da Polícia Federal em Goiás, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

O atentado aconteceu no último dia 15 de julho, quando o Walmir recebeu um pacote de uma bebida em seu escritório, mas o conteúdo explodiu assim que foi aberto. Um segurança que trabalhava em um estabelecimento próximo ao local socorreu o advogado. A vítima perdeu três dedos e quebrou o pé por causa da explosão.

De acordo com o presidente da Comissão de Direitos Prerrogativos da OAB-GO, Erlon Fernandes Cândido de Oliveira, a instituição ainda não tem conhecimento sobre o teor da ação judicial que teria motivado o atentado.

“O objeto desta ação judicial nós não sabemos informar qual foi. O papel da Ordem é acompanhar para que o crime não fique sem resolução, a partir do momento em que for definida a autoria, a Ordem continuará atuando na acusação. A partir do momento em que um advogado é violentado no exercício profissional, a administração da Justiça é ameaçada”, disse.

Câmeras de segurança flagraram a movimentação de um homem que entregou o pacote para um motoboy, que o levou até o advogado. Segundo o delegado, o motoboy não tinha consciência do atentado e foi por meio do depoimento dele que a corporação chegou até o local e às imagens.

“O motoboy é inocente. Cabe dizer que a pessoa que entregou esta bomba ao motociclista usou de vários disfarces, colocou propositadamente uma tala no braço direito. Tudo indica que ele colocou isso para disfarce. Em outros momentos, quando ele percebia a câmera de vigilância ele abaixava a cabeça”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.