Postagem em destaque

Só no Brasil: Para não serem presos Policiais tinham de se deixar golpear por louco com facão em Bom Despacho.

Vítima estava ameaçando matar mulher e sogro na zona rural da cidade. No local o homem tentou atingir os militares com a arma. Policiais ...

terça-feira, 12 de julho de 2016

Sindpol abandona mesa de negociação com Governo

 12 de julho de 2016

Após tensões esboçadas logo na primeira reunião do Grupo de Trabalho, representação do Sindpol/MG debate com a diretoria executiva as dificuldades impostas pelo Governo e demais entidades da Polícia Civil para a aprovação da pauta dos investigadores. A reivindicação da adequação salarial dos investigadores com peritos e legistas, em nenhum momento foi colocada de forma decisiva pelos membros participantes do grupo, com exceção dos representantes do Sindpol/MG.

Com pouca objetividade e propostas evasivas, paralelas e divergentes da reivindicação inaugural do Sindpol/MG, foram incisivamente rebatidas, deixando claro que mesmo sendo o único e legítimo representante do cargo que reúne quase 70% de toda categoria policial – investigadores, o Sindpol/MG não conseguiu aprovar pelo voto unitário (cada dirigente vale um voto), a tese necessária de se aprovar imediatamente a “equiparação”, por esse motivo, a diretoria do Sindpol/MG atendendo ao diagnóstico apresentado por nossos representantes no Grupo, deliberou em reunião, por unanimidade, se retirar do Grupo de Trabalho e prosseguir na pressão ao Governo pela aprovação da pauta específica da categoria dos investigadores, conforme aprovada na Assembleia Geral da categoria, em 30/06/2016.

Enquanto isso, continua o tensionamento e pressão institucional; o movimento Cumpra-se a Lei; e também a busca judicializada, em todas as instâncias e formas admitidas em direito, para derrubar a liminar do TJMG, que suspendeu a greve.

Veja ofício.

Sem luta e sem foco, nunca haverá conquista.

A Executiva Sindical

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.